google-site-verification=DlPUxduZVoPOEB5b_QbJcG4cgTHg9-H-y1cDUQwxZuA google-site-verification=DlPUxduZVoPOEB5b_QbJcG4cgTHg9-H-y1cDUQwxZuA
 

O que é categoria A na CNH? Saiba como ser um motociclista!

Você sabia que o número de motos é maior que o de carros em quase metade das cidades brasileiras? No entanto, para pilotar uma moto é preciso antes saber o que é categoria A na CNH, já que, como todo veículo automotor, sua condução só é permitida a pessoas habilitadas.

A grande quantidade de motos Brasil afora se explica em grande parte por fatores como facilidade no crédito para financiamento, agilidade e incentivos fiscais.

De fato, é um veículo muito mais acessível, considerando não só os custos mais baixos, como a própria oportunidade de trabalho remunerado que representam.

Agora, eu quero te explicar com mais detalhes o que é a categoria A na CNH, que requisitos são necessários para se habilitar e as diferenças, em especial as do exame prático. Estamos juntos?


Entenda o que é categoria A na CNH

O que é categoria A CNH
O que é categoria A CNH

Como você deve saber, todo veículo automotor, ou seja, movido a um motor a combustão, exige a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) para ser conduzido em território brasileiro.

Por isso, cada um exige um tipo de habilitação diferente, afinal, dirigir carro não é o mesmo que pilotar um moto, que é totalmente diferente de conduzir um caminhão. Sendo assim, a CNH é dividida em categorias.

No caso dos veículos em duas rodas, a CNH específica é a de categoria “A”. Ela permite pilotar automotores elétricos de duas ou três rodas e ciclomotores com ou sem carro lateral. O exame prático é feito em motocicleta acima de 120 cilindradas com no máximo 5 anos de uso, tirando o ano em que foi fabricada.


As diferenças do curso de formação


Não é apenas o tipo de veículo que diferencia uma carteira de habilitação de outra. O curso de formação, nesse sentido, também apresenta diferenças, já que pilotar uma moto exige habilidades distintas.

A primeira delas, no caso, é aprender a conduzir a moto em um trajeto sinuoso e sem utilizar a embreagem como recurso para controle de velocidade. Isso porque, com a embreagem acionada, o motociclista não perde o freio motor, aumentando assim a segurança na pilotagem.

Essa e outras técnicas são aprendidas ao longo do curso prático, que hoje é composto por 20 aulas, sendo 5 das quais obrigatoriamente noturnas.

Sendo uma das categorias permitidas como primeira habilitação, depois de aprovado no exame prático, o novo condutor recebe a Permissão Para Dirigir (PPD). Depois de um ano, caso não perca mais de 4 pontos no seu prontuário, ele poderá renovar a CNH A e obter assim a carteira definitiva.


Categoria A: como fazer


Para tirar sua habilitação de moto, é necessário pagar a taxa estadual por meio do Documento Único de Arrecadação (DUDA). No estado do Rio, o valor do DUDA para primeira habilitação é de R$ 289,36. Com isso, você estará pronto para começar o curso de formação, que deve ser concluído em até um ano.

Vale destacar que, para poder tirar carteira de motorista, não importa a categoria, é preciso ter 18 anos completos, documento de identidade e CPF e saber ler e escrever.

Espero que este artigo tenha tirado todas as suas dúvidas e esclarecido sobre o que é a categoria A na CNH.

Aproveite, faça sua matrícula online e venha ser Padrão. Nossa vida é facilitar a sua!